12 – A Arte da Fuga (Danilo Guanais)

Quando morreu, em 1750, Johann Sebastian Bach, o maior compositor de todos os tempos, deixou inacabada a que seria sua última obra, o testemunho maior de sua crença na escrita musical em múltiplas vozes, “A Arte da Fuga”. Ouça, em exemplos comentados, como o genial compositor alemão consegue sintetizar séculos de tradição e apontar para pelo menos 150 anos à sua frente em uma só obra. Sinta como as últimas notas musicais que escreveu se dissolvem no infinito, deixando o futuro incapaz de apreciar o que seriam seus últimos acordes, cortados da História pela partida do grande mestre aos 65 anos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *